Férias de mergulho

Com o fim de ano, temos a chegada do verão e uma lista de coisas para curtir o lazer. Ou seja, é a época perfeita para fazer as suas férias de verão acontecer! Você já parou para pensar em turbinar o seu verão com férias de mergulho?

Pensando assim, onde será que a sua próxima viagem de mergulho o levará? Há um mundo de aventuras subaquáticas lá fora esperando por você, diver.

Mergulhar e viajar andam lado a lado. As suas férias de verão, numa viagem ou experiência de “liveaboard” poderá levá-lo para o seu novo local de mergulho favorito, melhor mergulho em naufrágio, mergulho em paredões mais memoráveis ou te dar a chance de registrar o momento perfeito de alguma das ações das criaturas marinhas das águas cristalinas do nosso Brasil.

Através de um Dive Center PADI, você tem a informação especializada que precisa para planejar uma grande férias de mergulho. Há uma abundância de opções para escolher, diver. Se você estiver interessado em um longo fim de semana em um hotel nas proximidades ou viajar para um destino exótico para uma longa viagem, como Bonaire.

Você pode participar de um grupo de viagem ou reservar um fim de semana ou feriado de forma independente. Os especialistas em viagens de mergulho em seu PADI Dive Center podem fazer os seus sonhos de mergulho se tornarem realidade. E modéstia à parte, entendemos bem do assunto! :p

Uma das sensações mais libertadoras é mergulhar, como sabemos e você deve imaginar. Os amantes do mergulho garantem: não tem maneira mais rica e divertida de aproveitar as férias do que curtir os dias de descanso fazendo alguns mergulhos diferentes.

A prática é uma forma de puro contato com a natureza, a vida marinha, o que proporciona experiências inesquecíveis, afinal cada expedição é única.

Arrume suas malas e prepare-se para embarcar na viagem das suas férias de mergulho comigo! Pronto para conhecer as dicas de destino? Vamos lá!

#1 – Maceió, Alagoas

As piscinas naturais são o cartão postal da cidade. E é exatamente nelas que você vai desfrutar das maravilhas do mergulho na capital alagoana. Águas calmas, quentinhas e transparentes esperam por você.

 

Além disso, o passeio ainda te coloca em contato com diversas espécies marinhas, que englobam cardume de peixes, corais e até os cobiçados naufrágios Draguinha, Dragão, Itapagé e Sequipe II.

 

Você pode, aliás, fazer um curso e aprender a mergulhar por aqui com a gente!

#2 – Maragogi, Alagoas

Maragogi é uma terra de encantos, e suas famosas Galés não poderiam ser diferentes! São piscinas naturais que se formam a quilômetros de distância da costa devido a maré baixa. Quando isso acontece os recifes de corais ficam expostos, o que possibilita o contato com peixes de diferentes espécies.

São três piscinas conhecidas como principais: a da parte urbana da cidade, a de Taocas e, por fim, a de Barra Grande. Com exceção à Barra Grande, que pode ser conhecida a pé, as outras duas são disponíveis para mergulho e a beleza não decepciona!

#3 – Fernando de Noronha, Pernambuco

10 entre 10 viajantes brasileiros sonham em conhecer esse pedaço do paraíso brasileiro chamado Fernando de Noronha. Entre os mergulhadores ele é um destino ainda mais cobiçado.

Com a temperatura da água mais agradável e uma visibilidade de dar inveja aos mares caribenhos – podendo chegar até 40 metros – mergulhar em Noronha é algo sensacional!

A vida marinha é incrível e se você tiver um pouco de sorte ainda consegue nadar ao lado de simpáticos golfinhos, tartarugas marinhas, arraias e até tubarões.

A ilha é um dos principais pontos de preservação natural de Pernambuco e suas praias e pontos mais famosos e procurados para mergulho são: Cagarras, Ilha do Meio, Caverna da Sapata, Laje dos Cabos, Pedras Secas e Buraco do Inferno.

#4 – Atol Das Rocas, Pernambuco

O Atol das Rocas está localizado ao lado de Fernando de Noronha agrupando duas pequenas ilhas e uma laguna central. Foi a primeira reserva marinha constituída no Brasil, em 1979, e é o único atol no Atlântico Sul. Pela legislação brasileira em vigor, para descer no Atol ou mergulhar em suas águas é preciso ter autorização do Instituto Brasileiro de Meio Ambiente e Recursos Naturais Renováveis (IBAMA).

#5 – Bonito, Mato Grosso do Sul

A cidade no Mato Grosso do Sul vem se destacando no turismo pelo mergulho em cavernas. Os lugares mais famosos e procurados para a atividade na região são o Abismo Anhumas e a Lagoa Misteriosa.

Em Bonito, destaca-se o Rio da Prata e o Formoso. Nestes rios, ricos em espécies de peixes, como o Dourado, a Piraputanga, o Pintado e a Cachara, e repleto de vegetação aquática e paredões de pedras calcárias, a prática esportiva proporciona memórias inesquecíveis.

#6 – Arraial do Cabo, Rio de Janeiro

Arraial do Cabo, no litoral do estado do Rio de Janeiro, oferece mergulhos em quaisquer condições de tempo, sem necessidade de longos períodos de navegação. O destino reserva uma vida marinha abundante e diversificada, se destacando como um dos melhores pontos de mergulho da Região dos Lagos.

#7 – Abrolhos, Bahia

A duas horas de distância da cidade baiana de Caravelas, o arquipélago de Abrolhos se destaca como ponto de mergulho pela grande formação de corais que abrigam vasta diversidade da fauna marinha.

Com sorte, o mergulho pode ficar ainda mais interessante e inesquecível. É que as grandiosas baleias Jubarte costumam nadar nas águas do arquipélago.

#8 – Angra dos Reis, Rio de Janeiro

Localizada a 155 quilômetros da cidade do Rio de Janeiro e 359 quilômetros de São Paulo, Angra dos Reis tem seu mar de coloração esmeralda, circundado por mais de uma centena de ilhas com vegetação tropical da Serra do Mar.

Laje de Matariz é um ponto interessante principalmente pelo helicóptero afundado propositalmente em 2000 para criar novos atrativos para os apaixonados por mergulho em naufrágio.

#9Ilha Bela, São Paulo

O local se destaca pelas inúmeras embarcações naufragadas, principalmente na costa sul da ilha no litoral de São Paulo, entre rebocadores, cargueiros, veleiros antigos, vapores e navios de passageiros que se transformaram em habitat para espécies marinhas.

A exuberância da fauna e da flora marinha encontra seu auge nos pontos preservados como o Santuário Ecológico da Ilha das Cabras, que permite mergulhos diretamente da praia. O santuário ainda possui recifes artificiais como uma carcaça de caminhão e uma estátua em homenagem a Netuno.

#10Laje de Santos, São Paulo

A Laje de Santos, ilha localizada a 44 quilômetros de Santos – litoral de São Paulo -, é um refúgio para os pássaros e seus filhotes.

Apesar de estar entre os destinos ideais para mergulhar no verão, é no inverno que os rios e mares ficam mais propícios para a prática do mergulho, pois a água está mais limpa devido à diminuição das chuvas e menor diferença entre as temperaturas da superfície do mar.

Ufa! Sortudos somos nós brasileiros, não é? Dono de uma costa litorânea com mais de sete mil quilômetros de extensão, o nosso litoral brasileiro possui uma paisagem bem diversificada, composta por dunas, ilhas, recifes, costões rochosos, baías, estuários, brejos e falésias.

O melhor de tudo é que embaixo d’água há lugares tão surpreendentes quanto na superfície, tornando nosso País excelente destino para quem gosta de se aventurar com a prática do mergulho.

Aproveite as diversas possibilidades e turbine o seu verão com férias de mergulho!

Curtiu o post? Deixe um comentário! Ah, e para não perder nenhuma atualização, assine a nossa newsletter no box ao lado.

Até o próximo post, diver! 😀

QUER MERGULHAR EM MACEIÓ?

CONHEÇA AS OPÇÕES DE MERGULHO!

Deixe seu comentário

avatar
  Inscreva-se  
Notificação de